terça-feira, janeiro 08, 2008

O Transporte Cosmopolita

O pensamento que mais frequentemente me ocorre todos os dias de manhã e ao final da noite, quando vou trabalhar ou regresso a casa no 45 (ou no 83) é: quem me dera que este gajo ao meu lado tivesse tomado banho. De todos os transportes que sempre utilizei com alguma frequência, a Carris consegue ser o meio mais merdoso de todos. Para além dos autocarros mais velhos que eu, fabricados para países nórdicos e em fracas condições de manutenção, temos sempre direito a ter uma aventesma ao lado com uma qualquer característica ainda mais desagradável. Uma das minhas preferidas é, quando logo pela manhã, vem um gajo bêbado a tresandar a vinhaça no raio do autocarro. Volta e meia um destes malucos entende que queremos conversar com ele e estabelece um monólogo capaz de perdurar até ao nosso destino final. É de evitar proximidade com este tipo de espécime, assim como qualquer contacto visual directo (pode dar a entender que estamos realmente interessados na conversa). Outra personagem tipo clássica é aquela criatura que consegue ir a viagem toda ao telemóvel, em altos berros, o que é particularmente agradável pela manhã quando ainda estamos meio a dormir, e quando se trata de uma algaraviada em crioulo ou num qualquer idioma de leste. É enfim, um transporte verdadeiramente cosmopolita. Até andava a considerar começar a ir de carro, mas agora que penso bem nisso... acho que vou renovar o passe. A ver se encontro uns tampões para os ouvidos e já agora outros para as narinas, que o MP3 não consegue abafar o ruído, nem tão pouco disfarçar o cheiro.

7 comentários:

Luis Sardinha disse...

Talvez seja por essas e por outras que em quase 10 anos vida em lx ainda me lembro mais ou menos as vezes que andei de autocarro...

A foto esta gira mas se tivesses tirado uma foto com o telemóvel a um autocarro ias conseguir um quase tão velho quanto esse...

Jessy Rabbit disse...

Então e os que vão a treinar poses de sorrisos e posturas no reflexo dos vidros?
E qd vai a abarrotar, os apalpoes tao "discretos"...
E, mais hi-tech, a nova moda de enviarem mensagenzinhas e imagens via bluetooth?

tsc tsc tsc, pra quem anda só de vez em quando, ate se ri e acha piada às historias que ganha para contar num so dia; mas como eu te compreendo...oh se compreendo... :)

Mary Xu disse...

Queixas-te da Carris porque ainda não experimentaste os comboios da Linha do Sado. Porque aqueles não só são mais velhos do que eu, mas também mais velhos do que o meu pai, dos meus avós e se calhar até da minha bisavó...

Gonçalo disse...

...bem vindo amigo à realidade...e eu que me queixava do metro, agora que uso carris é que dou valor...mas também há coisas piores, qualquer dia estás de tal maneira vacinado (habituado) que já nem te lembras disso...abraço...

Skiweb disse...

hehehe...
sorte a minha só andar no catmaran 20mnts e sem ninguem a chatear...
a não ser quando o raio da porta embirra em não descer...

Skiweb disse...

como é encravou o autocarro???
hehehehe
um abraço!

LFM disse...

... como te compreendo ...