sexta-feira, agosto 18, 2006

Mais Vale... Nunca

Confesso que sou uma pessoa um pouco "anti-moda", que não costuma gostar de se deixar ir na onda das multidões. Por isso mesmo vejo as coisas um pouco fora de tempo também. Foi o que aconteceu com um filme que apenas consegui ver durante esta semana, já no conforto do meu lar, ao invés de uma qualquer sala de cinema. Nome do dito: Brokeback Mountain. Opinião final: bela "jorda". Raras vezes vi um filme tão mau. Gostava de poder perceber o porquê das nomeações de óscares. Será que agora se atribui este galardão cinematográfico meramente por questões sociais e por (receio de) discriminação? Estava mesmo à espera de algo diferente (também não sei bem dizer o quê... mas qualquer coisa que não aquilo) e não um filme parado, onde não vi o mínimo resquício do que alguns chamam de "uma bonita história de amor", mas sim umas cenas valentes de "quecas" entre dois cowboys. Foram duas horas de cenas deprimentes, sem qualquer articulação entre si, para um final ainda menos interessante. Peço desculpa por ser um "saloio" no que diz respeito a cinema, mas prefiro ver "spaghetti westerns" e comédias a filmes deste calibre. Volta John Wayne... volta Clint Eastwood... estais perdoados!

5 comentários:

Dani disse...

Eh eh eh, bem-vindo ao clube!

Sónia disse...

Oh pá! Eu gostei...

Luis Sardinha disse...

Eu já vi pior mas tb não achei nada de jeito... Decepcionou-me mais o codigo de davinci...

LFM disse...

Tens toda a razão.
E sempre há alguns que não querem rótulos e aproveitam para ver dois homens a dar quecas. LOL.

kabe ludo disse...

Arghh...

Este post está a resvalar pra homosexualidade há mais de 4 comentários...tenho que ser eu a por mão nisto, deixa-me só ligar ao Fernando para exorcizar este blog ;P

É por estas e por outras que um dia filho meu me venha dizer "Oh pai vou brincar aos cowboys pra rua" leva logo uma lambada nas ventas

Haja juizo!