quarta-feira, fevereiro 14, 2007

Para Quem Não Sabe...

História de São Valentim: Conta a lenda que Valentim era um padre que, no século III d.C., casava, em segredo, os jovens pares de namorados. A Igreja Católica regista pelo menos dois santos com o nome de Valentim. Um seria bispo de Interamna; outro sacerdote em Roma. É possível que se trate do mesmo santo, que terá sido levado em martírio da sua cidade para a capital do Império. Além disso, segundo o “Martirológio Romano”, ambos foram decapitados na Via Flaminia e têm a sua festa a 14 de Fevereiro. Conta a lenda que Valentim era um padre que, no século III d.C., casava, em segredo, os jovens pares de namorados. O Imperador Cláudio II, reconhecendo que os melhores soldados eram solteiros, tinha proibido os mancebos de contraírem matrimónio. Valentim, ao ousar celebrar casamentos, foi descoberto, preso e condenado à morte por decapitação. Actualmente, a Igreja de Santa Praxedes, em Roma, guarda as relíquias do santo e é um destino de romaria de muitos pares de namorados. Há também referências a um Valentim que, na mesma época, ajudava os Cristãos a fugir da cadeia romana, onde eram muitas vezes torturados.

Dia dos Namorados: O dia de São Valentim é fruto da mistura entre tradições pagãs e religião católica. O dia 14 de Fevereiro era, na antiga Roma, um feriado dedicado a Juno, a rainha dos deuses romanos, também conhecida pela deusa das mulheres e dos casamentos. Outra origem provável para o dia dos namorados é o festival dedicado a Fauno (Pã entre os gregos), divindade que velava pela fertilidade dos campos e pela fecundidade dos rebanhos, e que se celebrava a 15 de Fevereiro. Durante estes festejos, chamados de Lupercalia, eram sorteados os nomes das jovens solteiras entre os rapazes candidatos ao namoro. O romance podia ter a duração do festival ou ser mais longo. Muitas vezes os jovens apaixonavam-se e casavam mais tarde. O festival Lupercalia foi mais tarde adaptado pela Igreja cristã, que pretendia abolir as festividades pagãs. O sorteio dos nomes das raparigas foi sendo substituído por nomes de santos, e o ritual foi “apadrinhado” por São Valentim, que tinha morrido, precisamente, a 14 de Fevereiro de 269 d.C. A data coincidia, também, com o início da época de acasalamento das aves. O nome “Lupercalia” deriva de “Lupus”, lobo em latim. “Lupercal” era a gruta sagrada onde a loba tinha alimentado os gémeos Rómulo e Remo, fundadores de Roma. Todos os anos, a 15 de Fevereiro, os sacerdotes reuniam-se nesta gruta e sacrificavam pequenos animais, tiravam-lhes a pele e tocavam nas pessoas com tiras de pele dos animais, para curar a esterilidade. Daí a associação entre esta altura do ano e o amor/sexo.
IN spg.sapo.pt

4 comentários:

Vida Envolvida disse...

Marco,
Adorei todas as sugestões, sendo que fiquei a ponderar na lingerie de cabedal e chicote ... se bem conheço o meu marido ele iria adorar ;) ui ui ... porque, eu sou como a música do Marco Paulo "...uma lady na mesa, uma louca na cama..."
Mas terá que ficar para outra noite, como eu disse o dia dos apixonados não é apenas hoje, mas sempre...

Vou tentar celebrar, sendo uma Lady Louca!

Espero que a tua celebração, seja envolvida em muita e muita loucura!
Sana Loucura - percebes-te?

Bjs

Susana P.

Mary Xu disse...

Infelizmente não é o primeiro dia dos namorados que janto sem o meu mais que tudo. Mas há dois anos ele estava de serviço no dia 14 e nós "festejamos" o São Valentim no dia 15. Posso dizer que foi um dos melhores! Este ano, foi mais ou menos pelo mesmo caminho, mas ao menos descobri uma prendinha quando cheguei a casa. O dia dos namorados deveria ser todos os dias, ou pelo menos os que nos apetece.

O que interessa é as pessoas amarem-se e respeitarem-se, por muitos muitos anos. É isso que desejo a todos os casais apaixonados neste dia.

Dani disse...

Caro Marco, estava a par da história do dito Santo. E mantenho o que disse.

Um abraço

daredevil disse...

Então e depois desta tradição toda ligada ao amor, como é que há um cretino qualquer que se lembra de celebrar o dia europeu da disfunção eréctil na mesma data hein?????

Desmancha-prazeres...