terça-feira, dezembro 19, 2006

Feliz Natal ou Natal Feliz?

Tendo em conta a minha observação como espectador do mundo onde eu próprio habito, julgo relevante utilizar este blog para fazer aqui difundir uma opinião pessoal do que é o Natal, ou pelo menos deveria ser. Aquilo que tenho visto nos últimos tempos ao nível dos comportamentos a raiar o limite da histeria colectiva levaram-me a pensar bastante no assunto. Consiste então a minha análise no seguinte comparativo (aceitam-se mais sugestões de definições):

O Natal não é:

- andar enfiado em centros comerciais durante dias da semana, domingos e feriados

- gastar rios de dinheiro em coisas sem qualquer tipo de interesse às quais eventualmente ninguém vai ligar
- enforcar o Pai Natal na janela lá de casa (assusta as crianças que passam...)
- ligar "mangueiras" natalícias (esta definição é cortesia da Xu) na primeira tomada que aparece
- substituir a programação televisiva por galas intermináveis e programas de circo
- dar 10 voltas à Praça do Comércio para ver um conjunto de andaimes iluminados
O Natal deve ser:
- uma oportunidade para juntar e conviver com a nossa família
- uma época em que nos devemos lembrar dos amigos e estar com eles
- um período em que devemos pensar mais nos outros do que em nós próprios
Este agora é opcional:
- aproveitar para "manducar" aquelas iguarias que geralmente se fazem nesta época ;)

E assim aproveito para desejar a todos um Feliz Natal (ou talvez um Natal Feliz... quem sabe...). Um abraço a todos vocês, meus amigos!

6 comentários:

Kabe Ludo disse...

Cuidado que estás a queimar a chouriça...

LFM disse...

Bom Natal.
E o post está bom, politicamente correcto e simultaneamente bom.

Dani disse...

Clap! Clap! Clap!

Bom post! Passa mesmo por aí. O Natal deixou de ser a festa da família (e também dos amigos) para passar a ser a festa do consumismo, em que o que importa é o que se dá e se esquece os supostos valores defendidos para esta quadra.

Um abraço natalício

Mary Xu disse...

Temos todos de lutar para "salvar" o Natal, nem que seja só em nossas casas.

Um Feliz Natal para vocês.

jomaolme disse...

Acho que o Ntal continua a ser uma festa de familia: É neste dia que a maior parte da familia se junta no ano! Dps há a troca de presentes que eu tb acho giro!
O que eu detesto msm é o povo que se amontoa nos shopping e afins...dass, lá a confusão...por isso no inicio de novembro começo as compras, escolho o que quero e a bom preço!!

Post sensacional!!

Bom Natal!!

Beijokas

belzebu disse...

Um grande abraço e parabéns pelo post, tão politicamente correcto (como diz o lfm).

Desejo-te um Bom Natal e um excelente 2007, necessáriamente por esta ordem!

eheheh!! saudações infernais!